fbpx

Aumento da vasodilatação em áreas isquêmicas e redução da hipóxia

Estudos sobre os efeitos biológicos do ozônio:  Liberação de fatores das células endoteliais humanas. Uma análise sobre reinfusão de sangue ozonizado, e aumento da liberação de NO, na vasodilatação em áreas isquêmicas e redução da hipóxia.

O tônus dos vasos sanguíneos sofre uma regulação complexa por vasodilatadores (NO, CO, acetilcolina, adenosina, prostaciclina) e fatores vasoconstritores, como ânion superóxido, endotelinas, tromboxano, angiotensina II e noradrenalina.


Em distúrbios vasculares, particularmente aterosclerose, a regulação se torna caótica devido à interferência de oxidantes, moléculas de adesão, citocinas e fatores de crescimento, levando à oclusão parcial dos vasos e hipóxia.


A isquemia crônica de membro é uma doença progressiva frequentemente observada na aterosclerose e diabetes levando à necrose das extremidades. A terapia convencional é realizada com infusão de prostanoides, vasodilatadores e antiagregantes, mas há vasta evidência clínica de que a reinfusão de sangue autólogo brevemente exposto a uma mistura de gás composta de oxigênio-ozônio (auto-hemoterapia maior) é similar, senão mais benéfica.


O estudo de Valacchi e Bocci (2000) mostrou que as espécies reativas de oxigênio (ROS) e/ou produtos de oxidação lipídica (LOP) derivados da interação do ozônio com o plasma aumentam a produção de óxido nítrico (NO), interleucina-8 (IL-8) enquanto o a liberação de E-selectina ou endotelina-1 (ET-1) é inibida ou dificilmente modificada, respectivamente.

Como o oxigênio, o ozônio se dissolve no plasma e reage rapidamente com uma série de substratos, como ácidos graxos poliinsaturados (PUFA), grupos -SH presentes em vários compostos e antioxidantes. Uma variedade de produtos gerados a saber, H2O2, malondialdeído, 4-hidroxinonenal, hidroperóxidos e lipoperóxidos podem atuar como sinais celulares e desencadear efeitos biológicos.


É preciso dizer que esses compostos, dependendo de suas concentrações, parecem se comportar como uma faca de dois gumes. Por isso, é necessário ter o cuidado ao definir a dose do ativo biológico que, em termos de concentração de ozônio, varia entre 20 e 80mg/ml gás por ml de sangue, sem apresentar efeitos tóxicos nem in vitro nem in vivo.

As observações clínicas do estudo mostraram que o Ozônio aumenta a entrega de oxigênio ao tecido hipóxico, além disso o plasma ozonizado durante a reinfusão pode provocar alguns efeitos na parede do vaso, possivelmente aumentando a vasodilatação. Os resultados deste artigo dão crédito a essa ideia, mostrando uma produção aumentada de NO, que é um componente importante do ciclo de feedback negativo que impede a trombogênese. A aderência das plaquetas à parede do vaso, e sua agregação, é suprimida por nitrovasodilatadores capazes de aumentar o cGMP intracelular, com consequente fosforilação de fosfoproteínas cGMP-dependentes e supressão da reatividade plaquetária. A possível formação in vivo de compostos nitrosos, com vida mais longa do que NO, pode diminuir lentamente o vasoespasmo.

Além disso, alguns estudos demonstraram claramente que o mRNA do VEGF é expresso de maneira dependente da dose e do tempo quando as células endoteliais do coração de rato são expostas a 0,5-1 mM de H2O2.

Desta forma, os autores concluíram que a reinfusão de sangue ozonizado, ao aumentar a liberação de NO, pode induzir vasodilatação em áreas isquêmicas e reduzir a hipóxia.

BAIXE O ARTIGO EM PDF AQUI

Referência:

Valacchi G, Bocci V. Studies on the biological effects of ozone: 11. Release of factors from human endothelial cells. Mediators Inflamm. 2000;9(6):271-6. doi: 10.1080/09629350020027573.

Share:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Sem comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog Philozon

Postagens relacionadas

Olá! Preencha os campos abaixo para iniciar a conversa no WhatsApp

O FORMULÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

 Em breve um consultor entrará em contato com você.

SUA AVALIAÇÃO FOI ENVIADA COM SUCESSO!

SUA DOCUMENTAÇÃO FOI ENVIADA COM SUCESSO

Por gentileza, informar seu consultor que o cadastro foi realizado.